28 de maio de 2024

Samsung entra no mercado de equipamentos para mineração de bitcoin

A gigante sul-coreana de eletrônicos Samsung está trabalhando em chips de 3 nanômetros que podem ser usados ​​para mineração de Bitcoin(BTC). A empresa anunciou esse desenvolvimento no primeiro trimestre de 2022.

</p>

Os chips de 3nm são compatíveis com circuitos integrados específicos para aplicações (ASICs), máquinas que são usadas para minerar bitcoin. Sabe-se que os testes já estão em andamento.

Os novos chips de 3 nanômetros da Samsung não terãodesvantagens típicas dos mineradores e consumirão 30% menos energia. Além disso, os chips podem aumentar a velocidade de mineração em cerca de 15% e também aumentar a densidade do tradutor em 33%.

A empresa já encontrou seu primeiro cliente, a empresa chinesa PanSemi, além disso, os chips foram reservados pela empresa americana Qualcomm.

A produção de Znm da Samsung é baseada em tecnologiaGate All Around (GAAFET), que difere do processo FinFET usual usado para criar chips de 7nm e 5nm. O GAAFET reduz o tamanho do silício, resultando em maior desempenho.

Com a entrada da Samsung no mercado de mineração de bitcoina concorrência nesta área tornar-se-á ainda mais grave. Anteriormente, a Intel anunciou o lançamento de um novo chip para mineração de criptomoedas, chamado Blockscale.

</p></p>